Estiagem: Estado e União reconhecem Situação de Emergência em Condor

postado em: Agricultura 0
Reprodução, Ascom – Prefeitura de Condor.

A Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil do Ministério do Desenvolvimento Regional e o Governo do Estado do Rio Grande do Sul reconheceram o pedido de situação de emergência para Condor em razão dos efeitos da estiagem. O ato de homologação, foi publicado no Diário Oficial do Estado no dia 01 de fevereiro, enquanto que o Governo Federal publicou a Portaria Nº 341 em 10 de fevereiro reconhecendo a Situação Emergência.

De acordo com a Defesa Civil, Secretaria da Agricultura e Emater, no fim do ano passado, 4 poços artesianos foram perfurados para auxiliar no abastecimento das comunidades rurais. Com a seca prolongada, muitas redes de água precisaram ser ampliadas e algumas até secaram. Nas propriedades onde há registro de falta de água para o rebanho, o auxílio está sendo feito com um caminhão pipa da prefeitura.

Conforme os dados fornecidos pela Emater/ASCAR, de acordo com o INMET – Instituto Nacional de Meteorologia, em Condor, nos últimos 3 meses, a precipitação foi de aproximadamente 200 mm de chuva, uma média de 66 mm por mês, índice bem abaixo da média histórica para o município que é ativamente agrícola. Em termos de perdas financeiras a estimativa é que os prejuízos causados pela estiagem sejam de aproximadamente R$ 200 milhões de reais, somando perdas nas lavouras de milho, soja e na bovinocultura de leite.

Por, Ascom.

Comente

Comentários