MARGENS DO RIO DIVISA NO INTERIOR DO MUNICÍPIO É ALVO DE DESCARTE IRREGULAR DE LIXO

postado em: DESCASOS | 0

 

Nesta manhã (09), equipes da vigilância ambiental, estiveram na localidade da Linha Ramada, onde por meio de denúncia, presenciaram uma cena de descarte irregular de lixo.

O local é próximo a ponte do rio Divisa, onde além deste descarte também foram encontrados outros tipos de materiais que vem sendo depositados próximo ao leito do rio, o que prejudica a flora do ambiente.

De acordo com a Lei Federal 9605/1998 Art. 54; causar poluição de qualquer natureza em níveis tais que resultem ou possam resultar em danos à saúde humana, ou que provoquem a mortandade de animais ou a destruição significativa da flora, ocasiona em pena – reclusão, de um a quatro anos, e multa.

 

DA COLETA DE LIXO

Na primeira Quinta-feira do mês a coleta na zona rural, se inicia no lado norte do município (Pontão dos Buenos, Esquina Beck, Linha Endem, Linha Divisa, Linha Mambuca, Rincão dos Pinheiros, Linha Ramada, Barra do Barbosa, Linha Zeppelin e Linha Hermann). Na primeira Sexta-feira do mês a coleta é realizada no lado sul (Colônia Cash, Fazenda Cilada, Capão da Chave e Linha Alfredo).

 

NOTA: A Administração Municipal juntamente com a Secretaria Municipal da Saúde repudiam veementemente quaisquer ações que prejudiquem o meio ambiente do município, reforçando ainda adotar as medidas necessárias e previstas na legislação, realizando as devidas penalizações aos indivíduos que venham a cometer tais ações.

Redação: Eliéser Wehr – Acadêmico de Jornalismo – Unicruz

 

 

Comente

Comentários